Netanyahu agradece Milei por apoiar Israel na guerra


© Reuters Netanyahu agradece Milei por apoiar Israel na guerra

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, agradeceu nesta 4ª feira (7.fev.2024) o presidente da Argentina, Javier Milei, pelo apoio ao país na guerra contra o Hamas. “Agradeço sua decisão de declarar o Hamas uma organização terrorista [e] o seu firme apoio a Israel”, escreveu o premiê em seu perfil no X (ex-Twitter).

Ele também elogiou a decisão de Milei de transferir a embaixada argentina de Tel Aviv para Jerusalém. O movimento pode ser entendido como o reconhecimento da cidade como um território israelense. Jerusalém também é reivindicado pelos palestinos.

Na 3ª feira (6.fev), Milei visitou o Muro das Lamentações em Jerusalém, considerado sagrado para os judeus. Durante seu discurso, o presidente pediu a libertação dos reféns do Hamas em Gaza e descreveu o grupo como “nazismo moderno”.

“Escolher a vida é exigir a libertação dos sequestrados. Não devemos permanecer calados frente à monstruosidade do nazismo. Da mesma forma, não podemos permanecer calados diante do nazismo moderno, hoje disfarçado como grupo terrorista Hamas. Escolher a vida é combater o terrorismo”, disse.

Javier Milei embarcou na 2ª feira (5.fev) para um tour ao exterior. Ele viajou na classe executiva de um avião comercial. Está acompanhando de uma delegação de somente 3 funcionários, incluindo sua irmã Karina Milei.

Depois de Israel, o presidente argentino vai a Roma, capital da Itália, para compromisso com a primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni. Encerra a viagem no Vaticano. Na sede da Igreja Católica, participará da canonização da 1ª santa argentina, a Mama Antula, e se reúne com o papa Francisco.

Leia mais em Poder360



Add a comment