Campanha de reeleição de Biden entra no TikTok para alcançar eleitores jovens


© Reuters

Sheila Dang David Shepardson

(Reuters) – A campanha de reeleição do presidente dos EUA, Joe Biden, criou um perfil no aplicativo de vídeos curtos TikTok no domingo, usando o Super Bowl da NFL para lançar sua nova conta, buscando alcançar os eleitores jovens antes da eleição presidencial em novembro.

O lançamento da campanha no TikTok é notável dado que o aplicativo, que pertence à gigante tecnológica chinesa ByteDance, está sob revisão nos EUA por possíveis preocupações de segurança nacional. Alguns parlamentares dos EUA há muito pedem que o aplicativo seja banido devido a preocupações de que o governo chinês possa acessar os dados do usuário ou influenciar o que as pessoas veem no aplicativo.

No ano passado, o governo Biden ordenou que as agências governamentais removessem o TikTok dos telefones e dispositivos de propriedade do governo federal.

O TikTok afirmou que não compartilharia dados de usuários dos EUA com o governo chinês e tomou medidas substanciais para proteger a privacidade de seus usuários.

A empresa não respondeu imediatamente a um pedido de comentário no domingo.

Os assessores de campanha de Biden disseram em um comunicado que “continuariam a encontrar os eleitores onde eles estiverem”, inclusive em outros aplicativos de mídia social como o Instagram da Meta e o Truth Social, de propriedade do ex-presidente dos EUA Donald Trump.



Add a comment